Período de exibição encerrado

16 Jun, 17H

#artevida

Afetações poéticas e metáforas virais

MINAS GERAIS e SÃO PAULO

60 min

Raul Nunnes e Ronaldo Serruya

A roda de bate papo, é uma excelente oportunidade para discutirmos sobre a realidade de pessoas que vivem com HIV ou AIDS em especifico aquelas que vivem a margem da população, LGBTQIA+, negros e periféricos.

Fala Performática sobre escritas dissidentes, relações de atravessamento entre HIV/arte e teatro queer

 
MINIBIO DXS ARTISTXS
 
Raul Nunnes

Raul Nunnes, mineiro de Nova Lima, 30 anos. Diretor de arte e apresentador do Podcast Preto Positivo ao lado de Emer Conatus. Em 2016 recebeu o diagnostico positivo e depois de um período de aceitação e entendimento resolveu abrir a sua sorologia e acolher outras pessoas. Em 2018 criou a rede de acolhimento offline Hoje Indetectável Vivo, que hoje integra o Preto Positivo.

 
Ronaldo Serruya

Ronaldo Serruya é dramaturgo e ator do Grupo XIX de Teatro desde 2004. Em 2009, fundou o Teatro Kunyn (SP), para discutir a questão queer nas artes cênicas. Desde 2016 pesquisa e estuda as relações entre arte e HIV/ AIDS, e criou e idealizou o projeto “Como eliminar monstros: discursos artísticos sobre HIV/AIDS" que já contou com o apoio institucional do Itaú Cultural e do Goethe Institut. Atualmente prepara a estreia do seu texto "A doença do outro", ganhador do 7º edital de Dramaturgia em pequenos formatos do CCSP (SP).

 
Bremmer Bramma

Bremmer Bramma é ator, performer, escritor, diretor, produtor e artista amador de Belo Horizonte (MG). Um amante do teatro e da cena, é integrante dos coletivos artísticos Casa Anômala e Plataforma Beijo. Como criador, assina a direção e a co-dramaturgia da peça “Protótipo para Cavalo: Corra, Aisha, Corra!”, com a atriz Aisha Brunno, e o roteiro da websérie "Docinhos Mágicos", com Igor Leal e Will Soares.